PÁGINA INICIAL MENSAGEM FOTOS CONTATO 

Sempre que possível, procuramos utilizar vivências para abordar as questões comportamentais que pretendemos trabalhar. A utilização de atividades lúdicas convida a criança interior, presente em cada um de nós, a se expressar e a se relacionar de forma mais espontânea, relaxando os mecanismos de controle que camuflam padrões de comportamento.

O resgate das dinâmicas é conduzido de forma que os participantes possam reconhecer suas atitudes e emoções e, a partir da compreensão desses padrões de comportamento, eles possam escolher que mudanças gostariam de experimentar no dia-a-dia. Geralmente os resgates são encerrados com a elaboração de um embasamento teórico.

O respeito por si mesmo e pela equipe é a chave para o crescimento e nós acreditamos que reconhecer limites e potencialidades são atitudes de respeito. Cada limite desrespeitado, ultrapassado indevidamente, pode nos trazer conseqüências desagradáveis. Por outro lado, quando não aproveitamos a oportunidade de ampliar um limite em segurança, explorando nossas potencialidades, também nos desrespeitamos.

Os participantes não são obrigados a realizar nenhuma das atividades propostas se não sentirem segurança para isso, mas são sempre convidados a crescer, a se desenvolver, a ousar e arriscar, observando tanto suas potencialidades quanto seus limites, zelando por sua integridade física.